Início » Blog » Cuidados necessários com a caixa de gordura

Cuidados necessários com a caixa de gordura

  • osmando 
0
(0)

Cuidados necessários com a caixa de gordura

Você sabe como manter os cuidados necessários com a caixa de gordura em dia? Aprenda a fazer isso de forma correta e evite prejuízos e aborrecimentos.

Manter a caixa de gordura conservada muitas vezes não faz parte das preocupações domésticas das pessoas no geral.

Essa manutenção, no entanto, é essencial para a durabilidade e para a prevenção de problemas.

As caixas de gordura são resistentes, feitas geralmente com PVC ou alvenaria, com o objetivo do produto ter uma longa vida útil, mas a manutenção é uma aliada fundamental nesse processo, uma vez que águas ou dejetos podem corroer a estrutura quando ela não é limpa e cuidada regularmente.

O cuidado rotineiro com a caixa de gordura vai evitar que a durabilidade seja afetada, além de prevenir a pessoa de outros transtornos, como pragas, baratas, mau cheiro vindo da pia e demais aborrecimentos que podem trazer prejuízos ao seu imóvel, especialmente se for um comércio alimentício.

Saiba quais são os cuidados necessários com a caixa de gordura para manter essa peça em dia!

1- Proteja o ralo da pia

Um dos maiores problemas que gera entupimentos de encanamento é o uso incorreto do ralo na pia, com descarte de restos e outros objetos que acabam indo parar na caixa de gordura.

Para mudar esse problema, é preciso manter bons hábitos, como jogar os restos de alimentos nos pratos no lixo, e não permitir que entrem em contato com o ralo.

Utilizar uma rede de proteção no ralo também pode ajudar a evitar que outros objetos entrem em contato, como tampinhas de garrafa, colheres pequenas, guardanapos e etc.

2- Opte por um tamanho e modelo adequados

Ao comprar ou fazer uma caixa de gordura, é preciso prestar atenção às necessidades de tamanho e modelo para que esteja de acordo com as exigências que irão demandar do encanamento.

Existe uma regulamentação das dimensões técnicas da caixa de gordura, feita pela Associação Brasileira de Normas Técnicas.

Lares com uma cozinha regular podem utilizar uma caixa de gordura pequena ou simples, com capacidade baixa de rejeitos.

Já em um local de coleta de mais de 3 cozinhas, é necessário caixa dupla. Em empreendimentos com número superior a 12 cozinhas, como restaurantes, a caixa necessita de dimensões especiais.

Essas medidas sempre serão calculadas de acordo com o número de pessoas e quantidade de rejeitos no momento de pico de uso.

Se você utilizar um tamanho adequado, pode sobrecarregar suas funções e diminuir o tempo útil da caixa de gordura, além de conseguir um problema com a inspeção técnica se a estiver utilizando em um empreendimento.

3- Não utilize métodos incorretos de desentupimento

Muitas pessoas têm por hábito utilizar métodos caseiros para desentupir a pia quando ela apresenta qualquer início de problema.

Não raramente donos de casa jogam água fervente no ralo, refrigerante ou até mesmo soda cáustica para consumir o que estiver obstruindo o encanamento.

O problema é que essas soluções corroem o cano junto, o que danifica a tubulação e também a caixa de gordura.

Quando houver problemas com entupimento, a melhor saída é contratar uma desentupidora especializada para a solução correta do problema.

Esses profissionais também irão te instruir sobre a necessidade ou não da troca de alguma parte do encanamento. Investindo em um bom serviço profissional, você soluciona o seu problema e ainda economiza dinheiro e stress, já que diminui os riscos do problema se agravar.

4- Limpe periodicamente a caixa de gordura

Esse talvez seja, entre todos os cuidados necessários com a caixa de gordura, o mais importante.

A manutenção e limpeza periódica da caixa de gordura é inclusive uma exigência legal para estabelecimentos e condomínios.

Isso mantém a vida útil e o bom funcionamento da caixa de gordura. É importante não deixar de cuidar para que a retirada dos rejeitos esteja sempre em dia.

Em casas residenciais, com apenas uma cozinha, é recomendado que essa limpeza aconteça a cada seis meses.

Em estabelecimentos esse período diminui, variando de acordo com as demandas da cozinha e quantidade de pessoas.

Contrate um bom serviço de limpeza da caixa de gordura e também de manutenção a qualquer indício de problema e proteja a si mesmo e ao seu lar ou empreendimento de conseguir um problema muito maior.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *